Noticias

Veja as últimas notícias

Sugestão: Leilão, financiamento ou consórcio de imóveis? Saiba as vantagens e desvantagens

Sugestão: Leilão, financiamento ou consórcio de imóveis? Saiba as vantagens e desvantagens

A compra da casa própria continua sendo o sonho da maioria dos brasileiros. No entanto, os elevados preços dos imóveis e o compromisso de um financiamento de até 30 anos acabam desanimando muita gente. No entanto, existem outras alternativas para a compra da casa própria que pode ser menos onerosas.

As três principais modalidades de compras de imóveis são financiamento, consórcio ou leilão. Todas têm suas vantagens e desvantagens, e a escolha vai depender do perfil do comprador. Por isso, comprar casa, apartamento, sítio ou até lote requer atenção redobrada e pesquisa minuciosa para optar pela melhor alternativa.

Leilão de imóveis garante descontos atraentes

Afinal, é possível arrematar propriedades com descontos que podem chegar a 40%. Por outro lado, a oferta disponível tende a ser menor, e o interessado deve tomar cuidado com alguns detalhes, como o fato de o imóvel estar ou não ocupado ou contestado judicialmente. Os descontos são bastante atraentes, mas esta modalidade pode não ser indicada para quem pretende habitar o imóvel em curto prazo.

Para fugir de surpresas indesejadas, é necessário ainda estar acompanhado de uma boa assessoria jurídica, além de buscar empresas renomadas no mercado. A Zukerman é referência no ramo e conhecida por promover, com idoneidade, os melhores leilões online nas principais regiões do Brasil, como São Paulo e Rio de Janeiro.

Primeiro é preciso saber porque o imóvel foi a leilão. Ele pode estar disponível para ser arrematado por interesse do próprio vendedor ou ainda por questões judiciais. Um exemplo, comum nesta época de crise, é a inadimplência dos financiamentos bancários.

Antes de dar o lance, o que pode ser feito via internet na Zukerman, descubra a situação da propriedade a ser adquirida, se ela está ou não ocupada, e, principalmente, se está associada a alguma dívida ou contestação de antigos ou do atual proprietários. É importante fazer uma varredura.

Outra dica é visitar pessoalmente o imóvel antes de realizar um lance no leilão online. Na Zukerman, existe uma equipe especializada em tirar dúvidas e fornecer visitas aos lotes, quando disponíveis. Em caso de estar ocupado, é importante buscar informações por outros meios, seja com o proprietário atual ou ainda com vizinhos.

Financiamento é para quem quer se mudar imediatamente

Financiar um imóvel é seguro, mas sai caro. Afinal, os bancos no Brasil operam com taxas de juros elevadas, o que faz o valor final a ser pago ser muito superior ao original. Por outro lado, existe uma maior oferta pelas imobiliárias e rapidez para receber o bem. Ou seja, para quem pretende se mudar rapidamente o financiamento pode ser a melhor opção.

Mas mesmo parcelado, o comprador deve desembolsar um bom recurso inicial para obtê-lo, geralmente 30% do valor final. A vantagem é poder usar o saldo disponível do FGTS para abatimento de parte ou toda esta dívida inicial.

Consórcios é adequado para quem pode esperar

Os consórcios também são atrativos, ficando na segunda colocação no quesito preço. Mas o tempo de espera pode ser grande se não tiver o valor necessário para ofertar lance ou ser contemplado no sorteio. E caso tenha, é bom se lembrar que no leilão a compra pode sair até 40% mais barata.

Entre as vantagens do consórcio, no entanto, estão a possibilidade de usar o FGTS e a taxa de administração, inferior ao pago pelos juros do financiamento. Sem contar que não é necessário pagar um valor de entrada.

Portanto, se a procura for por preço, prefira o leilão, depois o consórcio e, por fim o financiamento. Se o comprador for inseguro ou indeciso, precisando visitar dezenas de propriedades até encontrar a sua, a escolha deve ser pelo financiamento. Agora, se não existe pressa, mas também não há dinheiro para os custos iniciais, o consórcio é a melhor saída.

Fonte: Seo Mater Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>