Noticias

Veja as últimas notícias

Comece o ano de 2017 na sua casa própria

Comece o ano de 2017 na sua casa própria

Quem pretende realizar o sonho de sair do aluguel e conquistar a casa própria em 2017 deve tomar alguns cuidados antes de comprar o imóvel. Buscar ajuda de um profissional do segmento imobiliário, ter uma reserva financeira, assumir parcelas que cabem no bolso, ler com atenção o contrato do futuro empreendimento. Esses são alguns segredos para curtir o novo lar sem futuras dores de cabeça.
“O primeiro passo é evitar gastos desnecessários. Focar no objetivo maior, que é ter a casa própria com responsabilidade e controlando as contas”, comentou a diretora do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-PE), que também está a frente da diretoria comercial da Central de Vendas, Zélia Pereira. A diretora acredita que ter uma reserva financeira é fundamental para se prevenir de possíveis imprevistos. “É muito importante ter um dinheiro guardado – em torno de 30% a 40% do valor do imóvel – para resolver questões no cartório e cobrir alguma entrada, se necessário. Evitar surpresas é primordial”, aconselhou.
Em um ano difícil economicamente para construtoras, como 2016, muito imóveis não foram vendidos e as ofertas aparecem, mas é preciso ter cautela. “Antes de assinar o contrato, o comprador precisa buscar informações sobre a incorporadora. Checar se ela tem registro com instituições ligadas ao mercado imobiliário. Outra ação que é de suma importância é verificar se o apartamento tem o registro no cartório”, ponderou.
Para os gestores, essas cuidados são os passos para começar o próximo ano de casa nova sem preocupação. “Ano novo, casa nova. Com o grande número de ofertas e preços baixos, fica sem casa nova quem não quiser”, brincou Zélia.
Outro importante passo para obter as chaves é assumir parcelas que cabem no bolso. O sonho de morar bem, em alguns casos, pode se tomar pesadelo porque se as parcelas ficam muito altas, os compradores têm que devolver os empreendimentos.

“Buscar ajuda de um profissional que entende da área é importante. Não adianta apenas assinar o contrato e no final devolver o imóvel e perder dinheiro”, disse o presidente da Associação dos Adquirentes de Imóveis (Adai), Cassius Guerra. Ele ainda reforçou a importância de pesquisar detalhadamente o histórico da construtora responsável.

“Quanto mais informações das incorporadoras melhor. Dados de sites, informações com amigos, parentes e quem já comprou é uma vantagem para quem quer fechar negócios”, assegurar Cassius.

Fonte: Folhape.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>